Vamos recuperar o bastião da classe operária aos Xuxas!

Nos comentários deste post sobre a entrevista da Helena Roseta apareceu novamente uma questão que começa a ser recorrente: Acusam o Spectrum de ter uma linha editorial pró-Bloco, enquanto outros, Bloquistas, claro, acusam o Spectrum exactamente do oposto.
Uns e outros são injustos e pouco objectivos na sua avaliação, vendo inimigos do Partido onde eles não existem.
De qualquer forma, com realmente reconheço que – tirando a festa do Avante! – nunca uma iniciativa “do Partido” foi anunciada aqui no Spectrum, cá fica a estreia. Venha a mim a medalha Lénine do Anti-sectarismo.
Domingo, 15 de Março 2009
Apresentação Pública do Candidato da CDU à Presidência da Junta de Freguesia de Sacavém.
16 horas – Quinta de São José, Sacavém

11 thoughts on “Vamos recuperar o bastião da classe operária aos Xuxas!

  1. Tendo em conta os peitos em se ostentaram algumas medalhas Lenin, melhor é que a distinção se faça com um abraço amigo. Ficas mais bem servido.
    Abraço
    Bruno Simão, O Candidato

  2. Saboteur, fica bem ao bloco apelar ao voto útil na CDU em Sacavém. Sinal de maturidade e de crescimento político.
    E nada melhor do que o Spectrum, órgão central da «esquerda que não vai em futebóis», para anunciar um apoio que certamente fará correr muita tinta. Até lá, todos juntos por Simão. Vai Bruno. Dá-lhes na bilha. Vota CDU, super-trá-lá-lá-lá-lá.

  3. Hoje à noite, ao jantar, antes do concerto de Buraka, a postura do Saboteur vai ser sujeita a um duro escrutínio. Mais a mais sendo o jantar nesse grande bastião – outrora chamado República Democrática de Almada – superiormente dirigido pela camarada Kim Il Maria Emília…

  4. Trike Bike: Nunca foste à Festa do Avante?
    Sacavém deve ser a única organização de freguesia do Partido que tem a sua própria banca, com o seu próprio produto na Festa. São as bilhas de Sacavém.
    Cada ano é editada uma diferente e há muita gente a fazer colecção.
    A cena das bilhas vem com certeza da Fábrica da Loiça de Sacavém, onde trabalharam o meu avô e os meus tios e que tinha uma importantíssima célula de empresa do Partido (a que eles não pertenciam, apesar de um dos meus tios ter estado preso em caxias 3 meses por ter participado numa concentração)
    A fábrica entretanto fechou e os terrenos foram vendidos para urbanizar. No entanto há lá o museu da Fábrica da Loiça, que pode ser visitado e que tem interesse.
    Ainda está lá um dos fornos originais, montes de peças expostas, fotografias das greves dos anos 80 e da pancadaria com a GNR… Há também um pequeno memorial aos operários mais antigos da Fábrica e está lá o nome do meu avô.

  5. Xiii, o Bruno é candidato! Sacavém a concelho, já!
    Um abraço para o candidato e a melhor sorte.

  6. “Unidade Unidade Unidade, do trabalho contra o capital!”
    Bruno a Presidente, Bruno a Presidente!

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s