Pinheirinho no RDA

Amanhã no RDA às 20h, filme e conversa, com um ganda jantar também.
pinheirinho.png
No passado dia 22 de Janeiro, Domingo, a comunidade do Pinheirinho (S.Paulo-Brasil), composta por cerca de 9000 pessoas, foi invadida por efectivos do Comando da Polícia Militar, com o objectivo de os retirar da propriedade que habitam há mais de 8 anos. Apesar dos sinais de intenção dados pelos governos federal e estadual no sentido da sua legalização e da suspensão da reintegração decretada pelo Tribunal Regional Federal, os poderes locais (quer a nível executivo, quer a nível judicial) autorizaram o despejo da comunidade.
A operação ficou marcada por uma violência desmedida, com várias dezenas de detidos e feridos (alguns dos quais graves). Sem qualquer aviso prévio, cerca de cerca de 1,8 mil homens da polícia, auxiliados por 2 helicópteros, usaram gás lacrimogéneo, gás pimenta, cassetetes e até armas de fogo contra os moradores que resistiam.
Activa há cerca de uma década, a comunidade do Pinheirinho foi construída pelos próprios habitantes, pessoas sem tecto que, graças ao seu esforço e à solidariedade de outros tantos, edificaram casas, ruas, praças. A sua área é propriedade da Select S/A, do especulador financeiro Naji Nahas. Antes de ser ocupada, estava abandonada há mais de trinta anos.

E sem esquecer a ganda cicloficina também.

Anúncios

One thought on “Pinheirinho no RDA

  1. Gracias a los tres por voretsus comentarios. Javi, a mi tambien me han traido buenos recuerdos, por eso las saque del baul. Fueron dos dias magicos para todos.

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s