Mentir com quantos dentes se tem na boca

Chega-se a casa depois de um dia passado na rua e depara-se com o enorme jorro de mentiras que contradizem tudo aquilo que se acabou de presenciar: Alegadamente a manifestação vinha a provocar confrontos desde o Saldanha até ao Chiado em que finalmente decidiram atacar a polícia e uma esplanada cheia de pessoas pelo meio.
invece no
1 – “Os confrontos começaram na Almirante Reis” – Um grupo de cerca de 200 pessoas saiu do Saldanha em direcção à Estefânia e depois desceu a Almirante Reis até chegar ao Martim Moniz e ao Rossio. Quando passaram em frente ao Banco de Portugal algumas pessoas atiraram ovos à fachada do edificio. Dois policias à paisana entraram dentro do corpo da manifestação e tentaram deter alguém, tendo sido imediatamente repelidos. Não se seguiu nenhuma carga policial, estando presentes no local duas ou três carrinha do corpo de intervenção. De novo, entre o Martim Moniz e o Rossio, um agente fardado, só, entrou no corpo da manifestação para prender outro participante nesta, foi também impedido de o fazer, de modo pacifico, sem que ninguém se tivesse magoado. Esta manifestação chegou ao Rossio e aí terminou.
2 – “Os manifestantes da plataforma 15 de Outubro atacaram a policía”, “Os clientes da esplanada tiveram de fugir” – Na esquina da Livraria Sá da Costa a policía detém um estivador. Levam-no para trás de uns carros e começam a espanca-lo. Várias pessoas tentam aproximar-se e é criada uma barreira policial. Os agentes agridem as primeiras pessoas que se aproximam, sendo já famosas as imagens do rapaz com a cabeça aberta cheia de sangue que grita com eles, tendo sido tantos outros agredidos com mace e gás-pimenta. Perante o espancamento do homem detrás dos carros e da imediata violência da policía várias pessoas arremessam tudo o que encontram contra elas, entre outras coisas o mobiliário da esplanada na sua retaguarda. Entenda-se que há pessoas que apanham coisas à sua retaguarda para atirar à sua frente: não há portanto o risco de que seja atingida a dita retaguarda, como a mais elementar das lógicas parece explicar. Assustada, sendo que até agentes a chorar havia, a policia consegue segurar a linha o tempo suficiente para que cheguem os reforços de baixo. sendo resguardados por estes que depois espancam os jornalistas, a pessoa mais velha que é vista nas imagens da SIC, etc. Sucessivas cargas da polícia conseguem varrer o chiado e a manifestação prossegue até São Bento.
Ficam aqui então as questões a quem elaborou a narrativa difundida pelos media e aos próprios jornalistas que nem quando um colega é brutalmente espancado conseguem juntar dois mais dois e fazer o seu trabalho:
– Se a manifestação tinha já provocado confrontos na Almirante Reis porque é que não houve uma carga policial lá? Porque é que não há imagens desses confrontos sendo que havia várias câmaras presentes? Porque é que estes manifestantes, tão selváticos e sedentos de sangue, esperaram pelo momento em que estavam cercados por inúmeras carrinhas para atacar a policía e não o fizeram antes? Porque razão haveria alguém no seu perfeito juízo de apedrejar uma esplanada durante uma manifestação? Porque é que o espancamento de jornalistas acontece tão rotineiramente? Não será talvez porque nesses, e em tantos outros momentos, a violência da polícia é selvática e indiscriminada? Se a turba violenta manifestante é assim tão selvagem porque é que se vê um deles a salvar a vossa colega Patricia Melo de ser ainda mais agredida?
O que aconteceu foi simples: A PSP tem, nas palavras dos seus dirigentes, um síndroma cowboy. Acha, e muitas vezes sem consequências, que faz o que quer quando quer. Que mata, espanca e agride sem consequências nem problemas de maior. Ontem não foi assim, sentiram-se intimidados porque, espante-se, muitas pessoas não quiseram deixar que uma delas fosse espancada e resolveram reagir.

São os dois polícias em primeiro plano à direita que depois acabam por agredir a jornalista, como bem nota no post abaixo o Chuckie Egg. O dos óculos escuros acompanhou a primeira manifestação desde o Saldanha, tendo por pelo menos duas vezes ameaçado pessoalmente dois manifestantes diferentes
PORTUGAL-LABOUR-STRIKE-PO-006.jpg
De notar o cassetete ao contrário do agente dos óculos escuros, visível contra o seu colete
A-policeman-strikes-AFP-p-009.jpg
O puto otário dos óculos da pastilha finalmente mostra do que é que é feito

Anúncios

46 thoughts on “Mentir com quantos dentes se tem na boca

  1. É triste que a indignação geral seja sobretudo despoletada por terem sido jornalistas agredidos.
    Se fosse um manifestante que estava a atirar ovos já era mais normal porque toda a gente sabe que atirar ovos só pode ter como sentença sumária uma cabeça aberta.
    A PSP já disse que realmente os jornalistas deviam estar mais bem identificados, como acontece na generalidade dos países.
    Como quem diz: Nós queremos partir a espinha a esta gente e portanto se não querem levar deviam andar mais bem identificados

  2. Bem identificados e ATRÁS das linhas da policía, assim como que os embedded reporters na guerra do Iraque

  3. Em directo no fórum TSF: «Peço às pessoas que não metam as forças políciais todas no mesmo saco. Sou polícia e tenho muitos colegas que quando são escalonados para as manifestações ficam todos satisfeitos porque poderão descarregar as suas frustrações pessoais. Peço às pessoas que foram agredidas que apresentem queixa ao ministério público. A polícia de intervenção tem um número nos capacetes e esse número identifica o agente»

  4. Mais uma vez foram para casa com as trombas partidas e frustrados !!! AHAHAHAHAHAHAH DA PROXIMA LEVAM MAIS !!!

  5. Não só é ridiculo meter todas as forças policiais no mesmo saco, como também o é dizer que todos os manifestantes são pacificos.
    Convém, referir que se a manifestação fosse puramente pacifica — e não uma tentativa de agitação e violência que tem sido incitada no Facebook nas últimas semanas — nada disto teria acontecido.
    Portanto é importante… crescer! Houve violência desnecessária de parte a parte. Talvez pelo sindroma de inferioridade perante o que foi feito na Grécia.
    Quem se sentir prejudicado que comunique às autoridades competentes.
    Na minha opinião, esta (em particular) greve assemelhou-se em muito à luta entre os hooligans do Porto e do Benfica que ocorrem regularmente. Nada de novo. É o país que temos, onde ninguém se sente… e quem não se sente não é filho de boa gente.

  6. Fernando, quem é se são as autoridades competentes? Fazes queixa na polícia de que foste agredido pela polícia?

  7. Já repararam que é anti-democrático bater num jornalista mas não num cidadão?

  8. fazes queixa no ministério público, na internet ou numa esquadra de polícia.. quem não deve não teme!! se tens razão não tens de ter medo de fazer queixa.. e como referi, não queres fazer na esquadra, faz no MP ou na internet!!

  9. “Mais uma vez foram para casa com as trombas partidas e frustrados !!! AHAHAHAHAHAHAH DA PROXIMA LEVAM MAIS !!!” Valentão, a ti até o rabinho te comia! Cobardolas! Só batem em mulheres… mas deixem estar que para a próxima, não se vão ficar a rir…. é melhor pedirem dispensa…

  10. Estas “descargas” policiais são relativamente fáceis de evitar… vão guardando o óleo das batatas fritas! quando os animais avançarem… começem a despejar o óleo no chão e fujam! ;)

  11. podem também levar escrementos… afinal de contas com tanta bosta, nem se sente o cheiro… a maior arma não é o bastão, é o cerebro! suplantem-se! sejam criativos! sem armas! essa vai ser a pior humilhação… um preguitos debaixo das carrinhas do CI, para os animais terem de acartar com a farda… a criatividade não tem limites!?!?!? certo?

  12. Não querendo descurar as evidências do descontrolo da carga policial, mas de facto entristece-me que o que saia de uma manifestação de greve geral sejam notícias e a revolta de pessoas contra a agressividade policial. Isto mostra que as manifestações, nos moldes que são feitas hoje em dia, efectivamente não servem para nada. O que se ganhou com esta greve?! Capas e revistas com fotos da policia a bater em pessoas e videos no facebook da mesma natureza. Enfim, muito vazio…

  13. “Mais uma vez foram para casa com as trombas partidas e frustrados !!! AHAHAHAHAHAHAH DA PROXIMA LEVAM MAIS !!!”
    Lindo lindo foi o bófia a chorar quando levou com a litrosa na tromba. A chorar! levado em braços pelos colegas! Sniff Sniff.
    Porque já se sabe, aqui nos comments não há cobarde que não seja valentão, mas ontem até chegarem os vossos amigos robocops estavam todos borrados. Que seja a primeira de muitas vezes.

  14. esse monte de merda tem o nome de chapa de matricula (viana ) todos os de colete amarelos sao poliçias na esquadra da damaia .

  15. Que seja a primeira de muitas vezes que os manifestantes levem porrada,acho muito bem,estamos num pais civilizado estas coisas não é para acontecerem,a manifestação não tinha nada a ver com a policia,eles apenas estavam a fazer o seu trabalho. Mandem seja o que foi seja ovo ou um garrafa é porrada para aprenderem. Manifestarem-se não é sinonimo de agredirem a policia. eu não sou policia,mas acho muito bem que a policia reaja assim, se não vivíamos numa anarquia.

  16. Violência de parte a parte!!!!! uns com chavenas que eu não vi, vi foi bastões, escudos e outras armas contra os cidadãos armados pela voz e pelo sofrimento…

  17. Esse coirão é bom é a bater em mulheres e deficientes, sem farda não vale nada. Ontem consegui lambusá-lo com uma velentissima escarreta, não consegui foi chegar mais perto desse coirão. Fica para a próxima num qualquer jogo da bola.
    Putos de M…

  18. É POR ESTAS E POR OUTRAS QUE TODOS OS ANOS AS AUTORIDADES CA DO BURGO SÃO MENCIONADAS NOS RELATORIOS DOS DIREITOS HUMANOS E DA AMENESTIA INTERNACIONAL

  19. “JR2” Estamos num país civilizado ???? Estamos completamente na merda e vens dizer que estamos num país civilizado !!! Parabéns aos manifestantes pela coragem. Alguém tem de tomar alguma iniciativa ou o buraco afunda cada vez mais…

  20. Em dia de Greve Geral,
    os bófias fizeram o seu trabalhinho…
    escória fardada de merda, mercenários do caralho, puta que os pariu.

  21. Não se esqueçam que a Luta não é contra a bófia !! Porque se esquecerem -se disso esses FDP que estão em S.Bento irão sempre rir-se destas merdas . S.Bento a Arder

  22. Da proxima vez em vez de irem com cervejas e cartazes , levem bastões com um papel na ponta e a cerveja troquem -na por cocktails molotov . Assim se viere carga policial seram surpreendidos ,se não vier atirem os cocktails em S.Bento

  23. Os bonés também estão numerados? E no caso dos capacetes, onde é que está a numeração? Convenientemente na parte de trás? E acha que as pessoas ditas normais, têm o sangue frio para ir por trás do agente para o identificar? E se o agressor chegar à barra do tribunal, o cooperativismo não funciona?

  24. “Porque razão haveria alguém no seu perfeito juízo de apedrejar uma esplanada durante uma manifestação? Porque é que o espancamento de jornalistas acontece tão rotineiramente? Não será talvez porque nesses, e em tantos outros momentos, a violência da polícia é selvática e indiscriminada?”
    Para isso pergunta-se também: porque razão havia um polícia no seu perfeito juízo de começar a agredir manifestantes sem razão?
    Tanta coisa e afinal este texto não passa de um caso da palavra de uns contra a dos outros…

  25. quanto a esse bófia, tanto queria festa que acabou por ser ele a ficar mal na fotografia.
    quanto ao comentário do Bruno, a resposta é fácil e está na diferença entre “esplanada” e “manifestantes”: apedrejar uma esplanada é absurdo por razões relativamente evidentes, já que se tratam de objectos e como tal os manifestantes não teriam nada a ganhar (nem a perder, na verdade) com isso – para além de que as esplanadas não são propriamente um “inimigo”.
    já quando se diz que um polícia agride manifestantes sem razão a coisa muda de figura, pois as pessoas, ao contrário das esplanadas, pensam, sentem dor, sentem medo, para além de que são aquilo que a polícia pretende controlar/ intimidar. ou seja, há sempre razões para agredir, mesmo quando não há aquelas razões que geralmente são procuradas para legitimar uma carga policial.

  26. LMAO esse anónimo com pinta de xibo não precisava de ter ido para a bófia para meter o cacetete pela peida acima, comprava 1 dildo; se calhar foi daqueles que tentou invadir o MAI ainda no mês passado, aí sim faltaram umas bastonadas mas como eram bófias devia era levar uns balázios de borracha … NA TESTA!! ACAB – All Cops Are Bastards – sempre que se olham ao espelho veêm um bastardo

  27. portugal é um país de MERDA!
    os portugueses são uma bando de invertebrados! de alforrecas pestilentas! de gente sem olhar!
    vivemos um tempo de agressão tão violenta que nem tem nome. e as pessoas o que fazem? trabalhar para continuar a dar dinheiro aos bancos, aos credores e aos cleptócratas que democraticamente elegeram.
    aceitar o que lhes é dito e o que é ordenado. encolher os ombros e continuar à apanhar porrada.
    não pude ir à manifestação de ontem.
    Por isso um grande Obrigado!!! a todos aqueles que se levantaram, que demonstraram uma verticalidade mínima, um sinal de intrasigência e dignidade, com os seus berros, os seus ovos, as suas pedras e garrafas, a sua impotência perante cães armados.
    sem vocês estaria a chorar

  28. “Para isso pergunta-se também: porque razão havia um polícia no seu perfeito juízo de começar a agredir manifestantes sem razão?”
    santa ingenuidade…

  29. “Eu”… ou não és Português, ou suponho que também sejas um “invertebrado”, uma “alforreca pestilenta”..
    Não deixas de ter razão quando dizes que a maioria se conforma e não luta. Mas ofender o Povo não faz de ti melhor do que aqueles que ficam em casa..
    ———————–
    Quanto aos manifestantes, exerçam o vosso/nosso direito, falem, gritem, mostrem ideias,mas não sejam violentos. Não se pode criticar aquilo que também se faz. E pior, se damos violência, só podemos esperar mais violência!!
    Quanto às forças policiais.. 1. Claro que não podemos generalizar, estamos fartos de saber que há pessoas boas e más em todas as profissões,religiões,países.
    Concerteza haverá policias bons profissionais também.
    2)O que me parece é que eles são escolhidos a dedo para ir pras Manifs, e isto sim, além do comportamento demonstrado, é preocupante. A repressão em que vivemos aiunda nestes dias é ridícula. É uma ditadura disfarçada.
    Esses bichos são escolhidos ao pormenor, como os touros mais ferozes para as arenas, para suprimir e condicionar a nossa liberdade de expressão,de luta.
    É preciso que estes comportamentos animalescos não sejam suficientes para nos calar, para nos parar!! O povo tem de continuar a lutar!!!!!!!!

  30. a autoridade competente sou eu. não confio na razão de nnguem que se julga a autoridade competente de outra pessoa. muito menos uma entidade que protejo os meus maiores inimigos na vida. que são quem quer que eu trabalhe mais horas de borla. portanto peço aos senhores policias do mesmo saco TODOS que passem para o lado daqueles que eles juraram proteger e prendam quem nos fodeu a todos. vocês são autoridade competente de toda a gente menos de vocês próprios.

  31. Vejam o exemplo de Inglaterra, violência n é resposta.
    começo a ter vergonha deste país, do uso indiscriminado e cobarde da violência. Deviam ter vergonha. Houve falha de parte a parte mas a cobardia foi da polícia de intervenção. Nada como atingir mulheres para desmoralizar…que golpe tão baixo. Espero que durmam bem as próximas noites e que a consciência não vos pese. Como médica só espero que os golpes nas cabeças não tragam consequências graves mais tarde.

  32. Vejam o exemplo de Inglaterra, violência n é resposta.
    começo a ter vergonha deste país, do uso indiscriminado e cobarde da violência. Deviam ter vergonha. Houve falha de parte a parte mas a cobardia foi da polícia de intervenção. Nada como atingir mulheres para desmoralizar…que golpe tão baixo. Espero que durmam bem as próximas noites e que a consciência não vos pese. Como médica só espero que os golpes nas cabeças não tragam consequências graves mais tarde.

  33. Sim, claro, metam as mulheres e as crianças e os velhos na primeira e na ultima fila que eles vao ter vergonha de atacar…man, alias, woman, acorda pra vida..eu acho piada que ainda haja alguem que ache que isto é violencia e mais, violencia extrema…
    vai la dizer-lhe pa irem prender quem lhes paga o ordenado, lhes da a droga pa snifarem na ramona…vivemos num pais de otarios de esquerda que sempre acreditaram que viviam em democracia até lhes custar a sair do proprio bolso…isto violencia extrema??? acorda e sai a rua, e a rua nao é o chiado…e se o pessoal da bola nao fosse tao reacionário e inergumeno devia era andar nas manifs so pa andar a porrada com a bofia de quem eles gostam tanto..vale-se tanto que são da rua mas so trocam mimos no estadios, deve ser pas cameras todas os apanharem e saber quem sao..sempre que ha bofias “verdadeiramente” feridos e nao vitimas de sub-chefes com muita imaginaçao jornalistica, eles recuam e borram-se.. e nos dias a seguir nem devem sair de casa ou olham trinta vezes pela janela antes de sairem…
    e ate podem agradecer aos treinos que eles tem na bola, se nao fosse esses treinos ele nao vinham ja cansados pa rua e ainda levavam bem mais, como se fosses pobre por exemplo…
    enquanto nao houver politicos e policias a arder em praça publica nada vai mudar…falam mal da grecia, quantos politicos nao desistiram das politicas de merda depois de tudo o que se passou..o problema é que as manifes aqui sao mais que tudo, encontros de cha das 5 burguesoides, aqueles a quem sempre a policia protege, mas nestes dias a coca é tanta naquelas narinas azuis que eles nem verde vem á frente…no dia que houver um bofia justo, inteligente numa manif é porque o caso é serio……e esses meninos filhos de juizes e advogados e o caralho, nao sao capaz de usar as leis que tem pa os fuder pelos bastoes ao contrario e pela falta de indentificaçao e o diabo a quatro..mete-me nojo..e nao é os “putos mimados ” como muita gente fala…é gente de 30 pa cima que quando os outros se manifestavam diziam que nao servia pa nada eram so “putos_______”(por o adjectivo que mais lhes convenha)…o meu nojo é esse..parece que se lembraram agora que isto tava uma merda e ficam todos muito “indignados”, os indignados sao pessoas que nao tam a espera de coisas de pessoas de quem confiam…os indignados sao a escoria desta merda toda, porque so quando lhes vao ao bolso é que se acham no direito de gritar “portugal” e “povo” e “ai os meus filhinhos que ja nao comem a 1e no mcmerda”…vao-se fuder todos..ardam na fogueira que durante anos atearam com a venda de movimentos e ideias!!

  34. ah, e usar berlindes pa deixar pa tras quando vierem os bofias atras do pessoal..alem de o s deixar cair, é vintage tambem..it’s a win win situation…!! right on, power to the “peephole”!

  35. falam tanto….bla bla bla…..berlindes e oleo é o karalho! baloes xeios de gasolina e largamos-lhe o fogo.
    mas organizem-se porra! já me foram à testa meia duzia de vezes e esta merda é so meninos, comem e calam….e esses pseudo movimentos da treta cheios disto e dakilo vao pa manif caladinhos e cheios de medo. parabens a todos os que fizeram frente ao medo

  36. Tantos anónimos com palavras cheias de tanto pouco de coragem, como tanto muito de ordinarice. É o Portugal que temos resultante das últimas 3 décadas! É uma geração(ões) criada(s) de direitos adquiridos e de deveres esquecidos. Faz tanta falta o Prof. António. E eu só tenho 37 anos… Como tudo é cíclico, esta anarquia há-de passar.

  37. ainda bem que tudo é ciclico, seu nuno, pois tambem virá o dia em que te encontrarás com essa personagem caquetica que tanto admiras…realmente já nem impressiona como as pessoas confudem respeito com medo e disciplina com fascismo…
    ai eu adoro-te e todos os outros mongoloides que tem saudades dos tempos que nao viveram…é lindo, a serio , vem-me a lagrima ao canto do olho, e de certeza que no canto da tua cara mestiça de 37 anos tambem deve rolar qualquer coisa, tipo esporra de tanto fetiche militarista e submisso!….

  38. tanta conversa… a mim parece-me simplesmente um clássico lisboeta, que acontece periodicamente, e que (ainda) não foi superado nem por uns nem por outros, nem por outrens

  39. Ao agredir-se jornalistas sabe-se qual vai ser o resultado: escândalo! E porquê? porque são um dos garantes democráticos: a liberdade de expressão e de informação. Ou seja, ao agredir um jornalista (em funções) está a agredir os pilares da Nação, a Constituição Portuguesa. Se vir em Direitos Civis é considerado um delito agravado, não por acaso!
    É com estas provocações, aos poucos, que se consegue impÕr um estado de te(ho)rror organizado. Os sr.s do governo ainda não perceberam que sem oposição, sem dinâmicas não existe progresso. Algo que foi permitido no governo anterior ao promoverem campanhas acusatórias e persecutórias que continuam nos dias de hoje.

  40. Isto só mostra que os policias são é todos uma cambada de estupidos. Em vez de se juntarem ao povo na sua indignação pelo rumo das politicas. Não dao-lhes porrada, e depois andam-se a quexar que nao tem dinheiro para comer. Se calhar tambem gostavam que lhes dessem porrada quando se estão a lamentar quando fasem tambem as suas manifes. É isto é que a classe politica quer, é ter do seu lado quem tem as armas. Não sejam assim tão estupidos porque o povo está a lutar para um bem que é comum. Enquanto isso estão uns quantos a rirem-se e a enriquecer á vossa conta. Esses é que mereciam porrada mas a esses voces lambem-lhes as botas, que é o que vocês são é ums lambe-botas e medrosos pois tem medo de quem os comanda ó melhor de quem os tele-comanda, porque esses é que são os verdadeiros culpados desta situação e continuam a gosar com o povo pois tem a ajuda desses pobres desgracados que são manietados por eles e ainda gostam.

  41. Isto só mostra que os policias são é todos uma cambada de estupidos. Em vez de se juntarem ao povo na sua indignação pelo rumo das politicas. Não dao-lhes porrada, e depois andam-se a quexar que nao tem dinheiro para comer. Se calhar tambem gostavam que lhes dessem porrada quando se estão a lamentar quando fasem tambem as suas manifes. É isto é que a classe politica quer, é ter do seu lado quem tem as armas. Não sejam assim tão estupidos porque o povo está a lutar para um bem que é comum. Enquanto isso estão uns quantos a rirem-se e a enriquecer á vossa conta. Esses é que mereciam porrada mas a esses voces lambem-lhes as botas, que é o que vocês são é ums lambe-botas e medrosos pois tem medo de quem os comanda ó melhor de quem os tele-comanda, porque esses é que são os verdadeiros culpados desta situação e continuam a gosar com o povo pois tem a ajuda desses pobres desgracados que são manietados por eles e ainda gostam.

  42. Isto só mostra que os policias são é todos uma cambada de estupidos. Em vez de se juntarem ao povo na sua indignação pelo rumo das politicas. Não dao-lhes porrada, e depois andam-se a quexar que nao tem dinheiro para comer. Se calhar tambem gostavam que lhes dessem porrada quando se estão a lamentar quando fasem tambem as suas manifes. É isto é que a classe politica quer, é ter do seu lado quem tem as armas. Não sejam assim tão estupidos porque o povo está a lutar para um bem que é comum. Enquanto isso estão uns quantos a rirem-se e a enriquecer á vossa conta. Esses é que mereciam porrada mas a esses voces lambem-lhes as botas, que é o que vocês são é ums lambe-botas e medrosos pois tem medo de quem os comanda ó melhor de quem os tele-comanda, porque esses é que são os verdadeiros culpados desta situação e continuam a gosar com o povo pois tem a ajuda desses pobres desgracados que são manietados por eles e ainda gostam.

  43. estes montes de merda são uns frustradecos, brutos e burros que nem uma porta, grunhos, labregos, ginásio-dependentes, dos quais todos nós nos lembramos nas escolinhas secundárias que frequentámos, estes são os gajos que ficaram a fazer matemática do 9º ano durante 3 anos e finalmente terminaram a escolaridade obrigatória para que os professores se vissem livres deles, que se sentavam na última fila da aula sem nada perceber e só a fazer merda… que não tinham, nem têm cérebro, porque senão não estariam nesta profissão… força de intervenção é para os putos que em meninos gostavam de dar porrada nos mais pequeninos, porque em casa levavam do pai, do irmão mais velho… e em breve vão andar à cacetada a outros polícias… onde é que já vimos isto antes? ah Cavaco… voltaram os grandes tempos!

  44. Não se esqueçam que os policias estão sujeitos ao regulamento disciplinar e, as chefias estão sempre de faca afiada para qualquer falha!!

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s